Receba nossas atualizações por e-mail!

INFORMAÇÕES SOBRE PASSEIOS
DE OBSERVAÇÃO DE BALEIAS EM VITÓRIA, ES:
027 999 800 413
027 992 473 882
027 992 977 851
 
INFORMAÇÕES ESPECÍFICAS SOBRE
O PROJETO AMIGOS DA JUBARTE:
027 999 864 177
 
E-MAIL:
amigosdajubarte@gmail.com

Iniciativa Transforma Canudos em Óculos

 Admirador do projeto Amigos da Jubarte doa milhares de canudos plásticos para serem transformados em óculos de sol

 

Um pequeno exemplo de reciclagem mostra como iniciativas próprias podem gerar grande frutos. Cerca de 30 mil canudos de plástico viraram óculos de sol a partir de uma parceria do Projeto Amigos da Jubarte com a empresa de óculos Zerezes.

 

 

 

O admirador do projeto Anselmo Venturim, ao saber das iniciativas realizadas em prol da vida marinha, informou ao Projeto Amigos da Jubarte que ao longo dos anos havia acumulado em casa milhares de canudos. Anselmo é membro conselheiro do Instituto O Canal, co-realizador do projeto junto com o Instituto Últimos Refúgios.

 

Os Canudos

 

Anselmo trabalha com a fabricação de cataventos promocionais, além de outros produtos gráficos como batons e imãs de geladeira.  Ele usava canudos de plástico para sustentar a hélice dos cataventos, porém, com o tempo, percebeu que esses produtos feitos a partir de plástico estavam poluindo o meio ambiente.

 

 

O fato ligou o alerta em Anselmo sobre a poluição que esses produtos descartáveis causam, se deparando com a necessidade de não utilizar mais canudos em seus cataventos.

 

Sem saber o melhor destino para dar ao material que acumulou ao longo dos anos, Anselmo entrou em contato com Sandro Firmino, um dos coordenadores do Projeto Amigos da Jubarte, na tentativa de aproveitar o material e não apenas descartá-lo no lixo.

 

 

Caixas com canudos sendo enviadas para a Zerezes

 

Zerezes

 

Ao saber dos canudos, o Projeto Amigos da Jubarte procurou a marca de óculos carioca Zerezes, que já tinha planos de fabricar óculos a partir de materiais reciclados como canudos.

 

Agora, a marca Zerezes possui em seu acervo óculos de sol com moldes 100%  feitos a partir de canudos, tornando aquilo que antes era um problema para o Anselmo em uma solução ecológica.

 

 

A Parceria

 

A parceria entre projeto e empresa mostra  como o trabalho em prol da redução de plásticos nos oceanos contribui para o surgimento de novas alternativas que modificam a realidade observada.

 

Para o coordenador Sandro Firmino, a parceria mostra todo o "DNA" do Projeto Amigos da Jubarte que, além de trabalhar na conservação da vida marinha, também se preocupa em deixar um legado comportamental da sociedade por meio  de suas campanhas de limpezas de praias.

 

 

 

"Se o descarte de lixo irregular continuar assim, em 2050 teremos mais plásticos nos oceanos do que peixes", alertou Sandro.

 

Anselmo Venturim, o responsável pela doação dos 30 mil canudos, diz que fica feliz pelo fim que tudo isso levou e afirma que o plástico em si traz muitos benefícios à humanidade, porém o seu descarte muitas vezes não é feito da forma correta.

 

 

 

"O plástico não é biodegradável. Como é um material de muitas utilidades, deveria sempre ser reutilizado e ou reciclado e transformado em novos produtos para as pessoas usarem", afirma Anselmo.

 

Quer Adquirir Um Óculos

 

Para adquirir um óculos feito a partir da reciclagem de canudos, basta acessar o site https://www.zerezes.com.br/canudos e fazer o seu pedido.

 

 

--

Para aqueles que tem interesse em ver as baleias em Vitória - Espírito Santo, é só entrar no site do Projeto Amigos da Jubarte pelo link: www.queroverbaleia.com

 

 

 

Os Projetos Amigos da Jubarte, Jubarte.Lab e Golfinhos do Brasil são de realização do Instituto O Canal e Instituto Últimos Refúgios, em parceria com a Vale e o apoio nessa atividade da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) e Lar Mar

 

 

  

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload